28/11/2018 - Algarve é um dos sete melhores destinos internacionais para fugir do frio

Other News

Algarve é um dos sete melhores destinos internacionais para fugir do frio

28 NOV 2018

 

O Algarve é apresentado pela publicação como um “paraíso de inverno”. (Fotografia iStock)

Numa altura em que as temperaturas baixas de inverno se começam a fazer sentir, a revista norte-americana International Living enumerou sete destinos ideais para fugir do frio. O Algarve surge como uma dessas sugestões, sendo apresentado como um «paraíso de inverno» que oferece um clima quente durante todo o ano e uma boa relação custo-benefício.

Entre os atributos da região, a publicação salienta ainda os campos de golfe, a gastronomia (com destaque para o marisco fresco e para o típico «frango da Guia»), as praias e a beleza das paisagens naturais. Como ponto a favor do Algarve é também referida a facilidade de se conviver com a língua inglesa, facto que simplifica a adaptação do turista norte-americano ao destino.

A revista International Living é uma publicação mensal que se dedica à divulgação de conteúdos sobre os melhores locais do mundo para se viver, para se passar a reforma, para viajar e para investir.

«Este reconhecimento vem confirmar o interesse crescente e o peso que o Algarve está a conquistar junto do mercado norte-americano, surgindo como uma alternativa apelativa face aos destinos europeustradicionalmente procurados por este mercado», admitiu Dora Coelho, diretora executiva da Associação Turismo do Algarve (ATA), a agência responsável pela promoção turística externa desta região.

«Este reconhecimento vem confirmar o interesse crescente e o peso que o Algarve está a conquistar junto do mercado norte-americano.»

Ainda este mês de novembro, a ATA teve a oportunidade de receber no Algarve um grupo de 14 agências de viagens que operam no mercado dos EUA e Canadá, a quem foi dado a conhecer as potencialidades da região em torno da sua oferta turística diversificada e de qualidade e a possibilidade de participar em experiências diferenciadoras, entre as quais um workshop para aprender a confecionar uma cataplana e a realização de provas de degustação de vinhos do Algarve.

Esta visita incluiu ainda uma forte componente de networking entre os participantes e agentes turísticos da região (associados da ATA), como forma de incentivo ao desenvolvimento de oportunidades de negócio.

De referir que a presença de visitantes norte-americanos no Algarve tem vindo a crescer de forma significativa. De janeiro a setembro deste ano, o destino registou um aumento de 25,3% no número de hóspedes provenientes dos EUA face ao mesmo período de 2017 (alcançando em valores absolutos o número de 64.700 hóspedes) e um aumento de 27,4% no que diz respeito às dormidas (contabilizando 179.600 dormidas na região).


Article available: Here